quinta-feira, 1 de março de 2012

TRAÍDOS PELO TOM DE VOZ

Em um estudo publicado na revista Evolutionary Psychology, os pesquisadores examinaram a ligação entre o tom de voz, a infidelidade e a escolha do parceiro. 

Os participantes desse estudo ouviram duas versões de clipes gravados a partir de uma vozes masculinas e vozes femininas, que foram manipuladas eletronicamente para ter maior e menor intensidade. Os participante deveriam escolher qual a voz mais atraente, com a maior probabilidade de traí-los para viver um romance. 

Os pesquisadores descobriram que homens e mulheres usam o tom da voz como um sinal de futuras traições, ou seja, uma mulher com tom de voz mais intenso e um homem com tom de voz mais fraco são interpretados como “possibilidade de infidelidade futura”. 

Segundo os pesquisadores isso acontece porque os homens com níveis mais elevados de testosterona têm vozes agudas mais baixas, e mulheres com níveis mais altos de estrogênio têm vozes mais agudas e altos níveis desses hormônios estão geralmente associados ao comportamento adúltero. 

Isso sugere que através do processo evolutivo, nós aprendemos maneiras de evitar os parceiros que podem ser infiel, já que a infidelidade causa um impacto emocional importante, altos custos financeiros e perda da unidade familiar. 


Fonte: 
Jillian J.M. O'Connor, Daniel E. R. and David R. Feinberg.Voice Pitch Influences Perceptions of Sexual Infidelity. Evolutionary Psychology, 2011. 9(1): 64-78


Rosani Ap. Antunes Teixeira
Neurônios no Divã: Psicologia e Neurociências




Nenhum comentário:

Postar um comentário